WhatsApp

(11) 97970-0276

ECONOMIA

Home office até 2021: veja como transformar sua casa em um excelente escritório

Como adequar a sua casa

25/08/2020 19h31
Por: Redação

 

 

 

 

 

Uma das ferramentas mais efetivas para a redução de turnover, o home office ficou mais popular desde o início da pandemia do novo coronavírus. Não por acaso: com a impossibilidade de aglomerar trabalhadores em um mesmo espaço, tornou-se obrigatório encontrar maneiras de manter a produtividade de forma segura.

Se a perspectiva era que o trabalho remoto se mantivesse por no máximo três meses, isso já ficou para trás: a maior parte das companhias têm se organizado para manter com o mínimo de profissionais presenciais, uma vez que o home office têm dado excelentes resultados.

As vantagens da rotina são visíveis: além de permitir que os trabalhadores mantenham-se isolados e mais seguros, o home office atua diretamente na qualidade de vida.

Ao permitir que as pessoas trabalhem em casa, com roupas mais confortáveis e sem a necessidade de se deslocar, o sistema gera menos cansaço, menos estresse e muito mais foco.

Se a sua empresa decidiu que manterá o sistema de home office para parte da equipe (ou para toda a equipe), convém adaptar a sua casa para essa nova realidade.

Por mais que seja convidativo trabalhar debaixo das cobertas, na sua cama, é fato que, quando projetamos um espaço feito para o trabalho, algo muda na nossa cabeça.

É como se uma chave fosse virada: o quarto é onde eu durmo, o escritório - que pode ser feito no sala, especialmente se a sua casa for pequena - é onde eu produzo.

 

Abaixo, daremos algumas dicas para projetar um escritório incrível na sua casa. Confira.

Home office: como adequar a sua casa

O primeiro passo para criar um bom escritório é separar um espaço silencioso para trabalhar. Pessoas que moram em apartamentos ou casas pequenas podem ter um pouco de dificuldade, é verdade, mas vale a pena pensar em possibilidades.

Os motivos para isso são bastante simples: durante o seu horário de serviço, que pode durar oito horas ou mais - afinal, as horas extras também podem ser feitas à distância -, o ideal é que você não esteja em contato com muitas pessoas ou barulhos altos, que podem distrair.

Assim, quanto mais longe da televisão você estiver, melhor. Da mesma forma, quanto mais distante de espaços de sociabilidade - como a sala ou a cozinha -, maior a chance de que você consiga manter a atenção naquilo que interessa.

Idealmente, você deve ter um quarto reservado para o seu escritório. Se o seu cônjuge, familiar ou companheiro de casa também atuar em home office, vocês podem pensar juntos em uma solução.

 

Outras dicas incluem:

Invista em móveis de escritório

É compreensível que você não queira gastar muito dinheiro para projetar um escritório, visto que essa é uma tendência que não foi escolhida por você, mas imposta pela realidade do momento que vivemos.

Ainda assim, vale investir em uma boa mesa, com altura adequada, e em uma cadeira ergonômica. Desta forma, você poderá trabalhar com o máximo de conforto e sem comprometer a sua saúde: como se sabe, a falta de postura durante a prática laboral é uma das maiores causas de desvios na coluna, dores e similares.

Fuja do quarto

Se você não pode colocar os seus móveis na sala, porque ela é habitada durante boa parte do dia, e não tem lugar para fazer um pequeno escritório, ok: vale tentar a cozinha e, em último caso, o seu quarto.

É indicado, no entanto, fazer tudo fora do local onde você dorme. Isso acontece por razões simples: primeiro, se você trabalha perto da cama, terá a impressão de que não está “trabalhando de verdade”. Muitas pessoas têm dificuldade de acessar outro estado de concentração quando precisam exercer suas atividades profissionais nesse contexto.

Além disso, ao trabalhar no quarto de dormir você comprometerá o espaço onde você descansa, o que pode fazer com que você desenvolva insônia e não consiga “se desplugar” da rotina de trabalho.

Elimine as distrações e crie um santuário

Por fim, tire do alcance dos olhos tudo aquilo que pode fazer com que você perca o foco. Celular, videogame, tablets e até aparelhos de DVD podem fazer com que você sinta um estranho desejo de largar tudo o que está fazendo para conferir notificações, ler comentários, jogar uma partida.

Quanto menos informação ao seu redor, melhor. Você pode investir em decoração inteligente, claro, mas convém não comprar quadros, imagens, bonecos e similares de tamanho muito grande ou com cores muito vivas: do contrário, você pode acabar estressado, visualmente cansado ou ansioso.

Para o seu espaço de trabalho, prefira cores mais brandas, tons de marrom (principalmente para os móveis) e um ou outro ponto de cor. Para mantê-lo estimulado, você pode escolher adereços em amarelo ou laranja, mas sem exagerar.

 

 

 

Ele1 - Criar site de notícias