WhatsApp

(11) 97970-0276

FURTO

Homem é preso por compra de baterias automotivas furtadas e posse irregular de arma de fogo

Dois indivíduos utilizam ferramentas para retirar os componentes de outros veículos e vende-los ao dono do armazém

27/10/2020 20h12Atualizado há 4 semanas
Por: Carlos Garcia

 

Ferramentas utilizadas pela dupla para arrombar veículos e furtar baterias, encontradas na bolsa de viagem azul e preta. Todos os itens são apreendidos por Policiais Militares do 6º Batalhão - Imagem: Polícia Militar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na tarde deste domingo (25), Policiais Militares do 6º Batalhão prendem homem pela rua Giuseppe Arcimboldo, bairro Liviero, divisa entre São Paulo Capital e o município de São Bernardo do Campo, por comprar baterias automotivas furtadas e posse irregular de arma de fogo.

A fim de verificar uma denúncia de furto na rua Genebra, bairro Suíço, agentes se deslocam até a comunidade do Taboão, onde são encontrados no local dois indivíduos em atitude suspeita. A dupla é interpelada sem oferecer resistência.

Policiais encontraram várias ferramentas como alicate, talhadeira, turquesa e chaves de fenda dentro de uma bolsa para viagem em posse da dupla e, segundo ela, eram utilizadas com o objetivo de arrombar veículos e retirar as respectivas baterias.

De acordo com a P.M, os dois indivíduos relataram a prática constante deste ato pela região e, o dinheiro das vendas, eles gastavam com o consumo de entorpecentes e que o comprador das mercadorias ilícitas residia na rua Giuseppe Arcimboldo.

Agentes chegaram no local, um armazém de compra e venda de eletrodomésticos usados, e conversaram com o proprietário, que confirmou ter adquirido as baterias automotivas junto a dupla.

Entretanto, durante a checagem geral do estabelecimento, policiais encontraram projéteis intactos de um revólver. Ele informou ter a posse legalizada do armamento.

Após o relato do proprietário, agentes decidiram realizar a busca residencial e localizaram duas armas calibre 32 com numerações aparentes e 72 munições inteiras. Segundo a P.M, a documentação do armamento apresentada estava irregular.

Ele foi conduzido ao 2º Distrito Policial de São Bernardo do Campo, onde está preso pelos crimes de Posse Ilegal de Arma, Receptação Qualificada e Associação Criminosa e, somadas as penas, pode pegar de 06 a 15 anos de reclusão.

A dupla de indivíduos também é levada para o mesmo D.P e se encontra detida em cárcere por Furto Qualificado e Associação Criminosa. Conjuntamente, a punição referente a estes delitos são de 03 a 11 anos de prisão.

As baterias automotivas foram restituídas aos seus respectivos proprietários.

 

Dois revólveres calibre 32, com documento de posse vencida e 72 munições intactas, apreendidos junto ao proprietário do pequeno armazém de compra e venda de eletrodomésticos antigos - Imagem: Polícia Militar

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ele1 - Criar site de notícias